Hop Hour entrevista Wonderland Brewery

Wonderland Brewery, como a mistura de culturas ajudou a criar uma cervejaria no Brasil

A Wonderland Brewery é uma cervejaria carioca que se inspira na história do País das Maravilhas que é uma história de auto-descoberta em uma terra mágica, fundada em 2018, pela siberiana Anna Lewis, pelo americano Chad Lewis e pelo brasileiro Pedro Fraga, a Wonderland Brewery apresenta cervejas complexas e marcantes, com muita personalidade. Somos definidos pela sociedade ou podemos nos definir a si próprios? Essa é uma das perguntas mais fundamentais na Wonderland Brewery. "Wonderland Brewery é criada por loucos dos Estados Unidos, Brasil e Sibéria. Criamos cervejas com um pouco de País das Maravilhas em cada gole para pessoas que têm Sede de Personalidade" essa é uma das frases que definem a Wonderland Brewery.


E hoje conversamos com Chad Lewis, fundador da Wonderland Brewery;


- Como a siberiana Anna Lewis, o americano Chad Lewis e o brasileiro Pedro Fraga fundadores da Wonderland Brewery se conheceram ?

Minha mulher e eu nos conhecemos em São Petesburgo, na Rússia, onde morei durante seis anos. Nós conhecemos o Pedro no site Beer Advocate, quando começamos a pesquisar sobre o mercado brasileiro de cervejas artesanais. Ele comentava muito sobre a cerveja artesanal brasileira, então acabamos nos aproximando. E desde então temos trabalhado juntos no desenvolvimento do projeto da cerveja Wonderland Brewery, e viramos bons amigos.

Os Fundadores da Wonderland Brewery - da esquerda para a direita: Chad, Anna e Pedro Fraga

- O Chad e a Anna são casados correto? Como surgiu a idéia de vir para o Brasil?

Sim, Anna e eu somos casados desde 2015, mas parece que foi ontem. Nós dois queríamos morar em um lugar mais quente e de praia depois de morar na Rússia (você não imagina como faz frio lá!). E tem também outra razão: quando a Anna era criança, lá na Sibéria, via novelas brasileiras com a avó, e ela ficou fascinada com a cultura e a natureza do Brasil. Então, ela tinha muito interesse em vir para cá.


Quando a Anna era criança, lá na Sibéria, via novelas brasileiras com a avó, e ela ficou fascinada com a cultura e a natureza do Brasil - Chad Lewis

- E antes de projetar a cervejaria Wonderland Brewery, qual era a relação de vocês com a cerveja artesanal ?

Eu era fã de cerveja artesanal desde a época de escola, tomava Yuengling Porter, New Castle Brown Ale e Pete’s Wicked Winter Brew. Eu era bem novo, mas o entusiasmo daquela descoberta sobre o que a cerveja poderia ser me acompanha até hoje. Pedro faz cerveja em casa há 10 anos e já ganhou vários concursos de cerveja caseira no Rio. Ele é um excelente sommelier de cervejas e consegue identificar cada elemento da cerveja apenas provando um gole.



- E como pessoas de nacionalidadades tão diferentes, com culturas tão distintas, resolveram se juntar e montar uma cervejaria no Brasil?

Bem, como mencionei antes, Anna e eu já pensávamos no Brasil para abrir a Wonderland Brewery, e conhecemos o Pedro que estava sempre comentando sobre a cerveja artesanal brasileira. As habilidades e conhecimentos dele complementavam os nossos, nós três tínhamos os mesmos sonhos e compartilhávamos dos mesmos princípios e valores. O fato de sermos de três países diferentes nos ajuda a sermos mais criativos na hora de desenvolver cervejas ou encontrar soluções.


- O Chad e a Anna vivenciaram nos EUA o desenvolvimento do mercado da cerveja artesanal, o que vocês trouxeram desta experiência para a Wonderland Brewery ?

Anna e eu estávamos sempre em contato com o mundo da cerveja artesanal, aprendemos diversas técnicas, desde brassagem e desenvolvimento de receitas até estratégias de marketing e branding. Eu li muitos livros sobre a evolução da cerveja artesanal ao longo do tempo e sobre como as melhores cervejarias trabalhavam. Gosto de pensar que peguei emprestadas várias ideias dos melhores produtores de cerveja artesanal.


Kit Wonderland - Timeless Porter

- A Wonderland Brewery tem todo o background inspirado nas histórias da Alice no País das Maravilhas, como surgiu a ideia de homenagear Alice no país das maravilhas ?

A história de Alice no País das Maravilhas tem em seu centro uma rebelião contra a conformidade. Achamos que isso descreve tanto a nossa filosofia de vida, quanto nossa visão sobre fazer cerveja.  Nós queremos trazer um pouco deste País das Maravilhas para nossos consumidores, para pessoas curiosas e que querem algo a mais. Vem daí a nossa assinatura “Sede de Personalidade”.


A história de Alice no País das Maravilhas tem em seu centro uma rebelião contra a conformidade. Achamos que isso descreve tanto a nossa filosofia de vida, quanto nossa visão sobre fazer cerveja. - Chad Lewis

- Vocês já participaram de alguns festivais, como vocês enxergam os festivais de cervejas aqui no Brasil ?

Sim, já participamos do Mondial de la Bière duas vezes. Na primeira vez, a Gone Mad IPA levou Medalha de Ouro, e na segunda vez (este ano), a Timeless Porter ganhou a Medalha de Platina, sendo eleita a melhor cerveja do evento. Também acabamos de participar do Slow Brew em São Paulo, e foi incrível conhecer tantas novas cervejas. (nota: Nós passamos pelo stand da Wonderland Brewery no Slow Brew e estava incrível)


- A Wonderland Brewery entrou no mercado em Abril de 2018 e já ganhou a Medalha de Ouro com a Gone Mad IPA no MBeer Contest no Mondial de la Bière RJ do mesmo ano e a Medalha de Platina na mesma competição em 2019 com a Timeless Porter, qual o sentimento de competir com cervejarias renomadas e serem premiadas com tão pouco tempo de fundação ?

Diria que, em parte, tivemos sorte, mas essas conquistas também são fruto de um planejamento apurado e de vanguarda.


- Em seu 1° ano de vida a Wonderland Brewery ganha a Medalha de Ouro com a Gone Mad IPA no MBeer Contest no Mondial de la Bière RJ, conta pra gente o que fez a Gone Mad tão especial.

A cerveja Gone Mad é sem dúvidas uma IPA muito bem balanceada, tem ótimo aroma, oferece antegosto e retrogosto diferentes e não é nem muito lupulada, nem muito amarga.


- Pode-se dizer que o primeiro ano de vida de uma empresa é muito difícil, e o primeiro ano de vida da Wonderland Brewery foi muito bom, com prêmios e etc, quais as dificuldades de empreender no Brasil e qual foi o maior obstáculo enfrentado por vocês até aqui ?

Sem dúvidas, foi nos habituarmos a viver no Brasil, a adaptação. Cultura diferente, idioma diferente, clima diferente. Viver em outro país sempre é complexo, ainda mais começando um negócio ao mesmo tempo.


- As cervejas têm relação com o personagens das histórias de Lewis Carrol, na concepção da cerveja vocês pensam na história da Alice para criar a receita, rótulo, nome? Como é o processo criativo ?

Vemos os personagens como representativos do nosso público, como se cada um deles fosse alguém com quem gostaríamos de tomar uma cerveja. Desenvolvemos uma receita que corresponda a cada personagem, cirando assim a personalidade dele. Tentamos cruzar essas referências com elementos surpreendentes nas receitas, para encantar nossos clientes/fãs. Como mencionado antes, nossa assinatura “Sede de Personalidade” não é apenas uma assinatura, mas uma filosofia importante para a nossa empresa no sentido de que não queremos fazer uma cerveja para todo mundo, e sim fazer cervejas que combinem com o gosto pessoal de cada um de nossos clientes/fãs. Talvez possamos dizer que trazemos a democracia para a cerveja, tome a sua própria aventura!


Talvez possamos dizer que trazemos a democracia para a cerveja, tome a sua própria aventura! - Chad Lewis

- Quem é o/a artista pela criação dos rótulos, que são uma atração a parte?

Nosso artista é o Renato Faccini. Ele tem um olhar incrível e paciente para detalhes, e muita paciência para clientes difíceis como nós.


- Quantas cervejas a Wonderland Brewery possui em seu portfólio? E quais são ?

  • Curiouser & Curiouser, a IPA de pêssego e damasco com a Alice no rótulo;

  • Timeless Porter, uma American Porter com notas de caramelo, que tem o Coelho Branco no rótulo;

  • Gone Mad IPA, a IPA balanceada do Chapeleiro Maluco a balanced IPA;

  • Sour Dee, sour com morango e goiaba, inspirada pelo gêmeo Tweedle-Dee;

  • Sour Dum, sour com Cupuaçu e Cacau, inspirada pelo gêmeo Tweedle-Dum;

  • Tweedles, o blend of Sour Dee e Sour Dum, em garrafa;

  • Poacher, a saborosa imperial IPA do Morsa;

  • Mango Grin, a Irish red ale com manga do Gato de Cheshire;

  • Summer Glory, a American wheat ale com abacaxi e coco da Rainha Branca;


- E vocês possuem uma cerveja favorita?

Eu adoro todas as nossas cervejas, e certamente eu gosto mais das mais novas, qualquer que sejam elas no momento. Se precisasse escolher, diria que minhas favoritas, hoje, são Sour Dee e Poacher.


- E vocês podem nos contar de alguma cerveja que chamou a atenção de vocês aqui no Brasil ?

Há tantas frutas interessantes sendo incorporadas pelos cervejeiros aqui no Brasil, que é difícil apontar apenas uma.


- E quais os planos para o futuro, tem alguma novidade que vocês podem contar pra gente ?

Vamos lançar mais cervejas com os personagens de Alice no País das Maravilhas no ano que vem. Temos algumas ideias sobre a Rainha de Copas, a Lagarta e o Jaguadarte. Mas ainda estamos conversando.


- E a pergunta clássica, por que fazer cerveja ?

É uma bebida universal que reúne amigos novos e antigos. Uma ótima razão, não acha?


Gostaríamos de agradecer o pessoal da cerveja Wonderland Brewery e o CHAD pela entrevista e pela disponibilidade de participarem desta coluna, FICA AQUI NOSSO MUITO OBRIGADO. E que a Wonderland Brewery nos traga as melhores cervejas que a combinação Rússia, Brasil e USA possa produzir.



MAIORES INFORMAÇÕES

Site da Wonderland Brewery

Facebook

Instagram



E não esqueça de deixar seu comentário sobre o que você achou da entrevista com o CHAD da Wonderland Brewery. Aproveite e veja os outros posts do nosso blog, tem mais entrevista, lançamentos, curiosidades e muito mais sobre o mundo cervejeiro. Não deixe de salvar em seus favoritos (CTRL + D) e de compartilhar com seus amigos nas redes sociais.




119 visualizações9 comentários

ENDEREÇO

CONTATO

SIGA A GENTE

Mogi Guaçu - SP

  • Instagram - White Circle
  • Facebook - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco