ENDEREÇO

CONTATO

SIGA A GENTE

Mogi Guaçu - SP

  • Instagram - White Circle
  • Facebook - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco

O surgimento do líquido sagrado

Atualizado: 17 de Fev de 2019

As vezes as melhores coisas da vida acontecem acidentalmente e foi assim com a cerveja!


Acredita-se que a história da criação da cerveja começou na Suméria. Cerca de 10.000 anos atrás, a humanidade começou a abandonar a ideia de viver como nômades e iniciou o processo de se estabelecer em locais onde existissem terras para cultivar e os cereais passaram a ser cultivados por eles, ingrediente vital para a produção de cerveja.

Não se sabe como o processo de produção da cerveja foi descoberto ou quem o descobriu, mas a história que conhecemos é que alguém esqueceu um pouco de pão ou de cereal ao relento em um recipiente o qual acabou se molhando e foi fermentado ao ar livre. O tempo passou e alguma pessoa muito “corajosa” experimentou aquele liquido e viu que aquilo era bom! Aqui começa a história da cerveja!


A mais antiga documentação escrita que trata da produção de cerveja vem da civilização da Suméria e tem pelo menos 6.000 anos. Trata-se de um hino chamado “Hino para Ninkasi”


Um trecho deste Hino:

“...você é a única que maneja a massa, com uma grande pá, misturando em uma cova o bappir com ervas aromáticas doces, Ninkasi, você é a única que maneja, a massa com uma grande pá, misturando em uma cova o bappir com tâmaras ou mel. Você é a única que assa o bappir no grande forno, coloca em ordem as pilhas de sementes descascadas, Ninkasi, você é a única que assa o bappir no grande forno, Coloca em ordem as pilhas de sementes descascadas, Você é a única que rega o malte, jogado pelo chão...Quando você despeja a cerveja filtrada do barril coletor, é como os barulhos dos cursos do Tigris e do Euphrates.”


Na Suméria, cerca de 40% da produção dos cereais era destinado as “casas de cerveja”, local onde mulheres eram responsáveis pela elaboração do produto, está aí mais uma prova de que as mulheres entendem e muito de cerveja, viva as mulheres!

Foi na Babilônia onde o Código de Hamurabi foi criado, e você já deve ter estudado ele na escola, porem o que seu professor de história não te contou foi que este código foi o primeiro a regulamentar a produção e a venda de cerveja e também sentenciar a morte de quem não respeitasse as normas de produção da cerveja.



Cerveja há muito tempo é coisa séria, a cerveja fazia parte da dieta diária da maior parte das pessoas e era consumida por gente de todas as idades e classes sociais. Beber cerveja era bem mais seguro do que beber água, segundo Santo Arnulfo de Metz. Já que a água daquela época era cheia de bactérias causadoras de doenças, pois não existia saneamento básico. Além do álcool, a cerveja também passava por um processo de “cozimento”, o que fazia com que a sujeira fosse eliminada da bebida.


Melhor beber cerveja do que ficar doente! Não é?

120 visualizações