Hop Hour entrevista Tesla Cervejaria


Fundada em 2018 na cidade de Jaguariúna (SP), a Tesla Cervejaria possui produção cigana na Cervejaria Cogumelo, em Campinas (SP). A TESLA Cervejaria que tem como sócios dois engenheiros e nos gênios da humanidade a inspiração para criarem suas cervejas, com pouco tempo de vida foi premiada na primeira edição do Champions Beer.


Hoje conversamos com Reciero Faria, um dos fundadores da Tesla Cervejaria;

- Quem são as cabeças pensantes por trás da Cervejaria Tesla? E como vocês definiriam a Tesla Cervejaria?


Reciero Faria e Rodrigo Cerqueira. A Tesla Cervejaria, assim como os gênios que nos inspiram, segue a linha de só criar o que gostamos e acreditamos que pode dar certo. Desde quando começamos a fazer cerveja nas panelinhas somos persistentes com cada receita. Dificilmente não brassamos a mesma receita mais de 3 vezes seguidas, sempre fazendo ajustes, claro. Isso tudo para termos o prazer, no final, de bebermos o que realmente planejamos.


- E como surgiu o interesse por fazer cerveja?

Sempre gostamos de cerveja e nossos amigos nos apresentaram algumas artesanais. Inclusive, tínhamos amigos que faziam as próprias cervejas. Então, por que não?!?


- A Tesla ainda está iniciando sua trajetória, mas como foi o caminho até aqui?

Diria que foi desafiador. Está sendo! Iniciamos com pouco capital, mas com uma vontade imensa de um dia viver de cerveja. Para exemplificar um pouco da vontade de dar certo, ano passado, no primeiro lote visitamos 30 bares da Capital em 2 dias. A partir daí, vieram muitos pedidos e conseguimos aparecer nos principais pontos de São Paulo. Não dá para criar algo e esperar que venham até você quando ainda está engatinhando. O início é sempre mais complicado, mas viveremos disso! Seguindo o que o mercado pede, porém, sem esquecer o que realmente gostamos de beber.


- E por que Tesla Cervejaria, como surgiu o nome?

Trabalhávamos em uma Concessionária de Energia. Ambos formados em Engenharia Elétrica. Criamos nossa própria empresa de engenharia há 9 anos, então, não foi difícil homenagear um ídolo.


- Quais são as cervejas do portfólio da Cervejaria Tesla?

Começamos com dois rótulos em garrafas no ano passado, a Thomas IPA e a GrahAmber Ale. Nesse ano mandamos a Thomas IPA para Lata (com ajustes na receita) e criamos a Carrier Summer Juicy, também comercializada em latas e barris.


- A Tesla é uma cervejaria cigana, quais as desvantagens de ser uma cervejaria Cigana no Brasil?

Custos para produção e para venda, com certeza. Os tributos altos afetam a cadeia toda. Muito difícil chegar em um ponto de venda com uma cerveja de produção terceirizada e competir com cervejas produzidas em equipamentos próprios. Tem que mostrar algo diferente. O ponto de venda precisa entender o que aquele rótulo tem de diferente para justificar a diferença de preço. E é mais difícil ainda do consumidor final entender esses valores altos que temos hoje nas lousas dos bares. Não era para ser assim, mas há um movimento grande em todo Brasil para redução desses tributos e ficará melhor para todos, ciganos ou não.


- E quais as vantagens de ser uma cervejaria cigana?

É a alternativa de entrar no mercado sem um investimento muito alto. Porém, nunca será um glamour, independente do tamanho do seu investimento, o trabalho é pesado e contínuo e a qualidade vai ditar quem fica.


- Falando de mercado, estar no interior de São Paulo, traz alguma desvantagem competitiva? E pode se dizer que traz alguma vantagem competitiva?

Bom, como estamos em Jaguariúna só enxergo um pouco de desvantagem a questão logística até a capital. Em São Paulo estão a maioria dos bares, muitos deles listados como os principais do país. Mas, Jaguariúna não é tão longe assim e conseguimos manter um certo ritmo de entregas até lá. Porém, vejo como grande vantagem estarmos na Região Metropolitana de Campinas. Não para de surgir novos bares voltados para Cerveja Artesanal na região. Muitas cervejarias de fora do estado buscam aparecer também na região.


- Qual o estilo de cerveja preferido de vocês?

Muito difícil citar um estilo. Acredito que é algo de momento. Hoje, por exemplo, estamos brassando mais as High Gravity. Quem sabe não vem algo do tipo em breve?!


- A cerveja Carrier Summer Juicy, foi eleita a melhor artesanal da região de Campinas na primeira edição do Champions Beer, como foi competir com diversas cervejarias com mais tempo de mercado, mais "renomadas", e levar este prêmio para casa?

Para nós foi algo muito gratificante. Uma receita que já havia sido aprovada por cervejeiros caseiros, mas que precisava ser testada no mercado. Tínhamos esperança da boa aceitação, mas não imaginávamos que seria a preferida entre tantas cervejarias que nos inspiramos. Não encaramos como uma competição, mas sim uma ótima oportunidade de mostrarmos nossa cara e estarmos ao lados desses caras.

Carrier Summer Juicy

- Se olharmos um pouco no passado é possível perceber que diversas cervejarias surgiram a partir de concursos cervejeiros, o que vocês acham sobre os concursos cervejeiros?

Acho que é mais uma forma de avaliar o que você está fazendo. Prêmios e boas notas em concursos são grandes incentivos para ir além. Mas, o cervejeiro também deve ter a curiosidade de ser avaliado pelo publico em geral, aquelas pessoas que frequentam os bares e eventos de cervejas artesanais ou que também fazem cervejas. Não importa se segue ou não um guia, o importante é fazer o que gosta e agradar quem você gostaria de agradar.


- Temos alguma novidade para o futuro da Tesla?

Lançamos recentemente um novo rótulo, O Mistério de Nikola. E o sonho de ter nossa própria casa continua. Veremos!


O Mistério de Nikola - É uma New England IPA que foi feita com os lúpulos Citra, Simcoe e HBC 472. Com Duplo Dry Hopping, e um toque especial, a Flor de Sal

- E a famosa pergunta, por que fazer cerveja?

Faça algo que te dê prazer. Foi isso que fizemos e nos apaixonamos. Hoje respiramos a cultura cervejeira e acho muito difícil uma pessoa que começa com esse hobby não seguir. Por hobby ou por trabalho, é fascinante provar uma criação, é fascinante quando aprovam sua criação!


Muito obrigado Reciero pela a entrevista, desculpa aí pela nossa insistência e muito obrigado pelo melhor sanduíche de Brisket da Região Metropolitana de Campinas, VIDA LONGA E PRÓSPERA A TESLA CERVEJARIA.






Não esqueça de deixar seu comentário sobre o que você achou da entrevista com o RECIERO da TESLA CERVEJARIA.. Aproveite e veja os outros posts do nosso blog, tem mais entrevista, lançamentos, curiosidades e muito mais sobre o mundo cervejeiro. Não deixe de salvar em seus favoritos (CTRL + D) e de compartilhar com seus amigos nas redes sociais.

1,119 visualizações5 comentários

ENDEREÇO

CONTATO

SIGA A GENTE

Mogi Guaçu - SP

  • Instagram - White Circle
  • Facebook - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco