Hop Hour entrevista Startup Brewing CO.

Os amigos André Franken e André Kunrath começaram a fazer cerveja por hobbie. Em junho de 2018 iniciaram a construção da própria cervejaria em Itupeva, interior de São Paulo. Atualmente o grupo Startup Brewing CO. produz cerca de 70 mil litros de cerveja por mês, mas já trabalha sua expansão para atingir 200 mil litros/mês até o final deste ano. O grupo possui um objetivo claro, de acelerar e investir em cervejas ciganas, desenvolvendo tecnologia para o mercado, dando apoio consultivo em toda a cadeia produtiva e logística e produzir muita cerveja artesanal. Hoje a Startup já possui duas marcas próprias, a Cerveja Unicorn e UX Brew, e tem como aceleradas as marcas Cerveja Avós e Juan Caloto.


Entrevistamos André Franken e André Kunrath sócios da Startup Brewing CO.;

Como André Franken e André Kunrath se conheceram e como surgiu o interesse em comum em produzir cervejas?

Nos conhecemos na empresa onde trabalhávamos em 2012. Anos depois, descobrimos o interesse em comum através das redes sociais e começamos a produzir juntos como hobbie.


O modelo de negócios da Startup, uma aceleradora de cervejarias ciganas, é pioneiro no mercado cervejeiro. Como surgiu essa ideia?

Viemos do mercado de tecnologia e Startups. Quando produzimos nossas primeiras cervejas ciganas identificamos inúmeras oportunidades neste mercado. Então, enquanto nos reuníamos para fazer cerveja em casa, aproveitávamos também para desenhar um modelo de negócio, unindo nossa expertise com a nossa paixão por este universo. Nosso grande desafio foi criar um modelo de massificação do nicho de cervejas artesanais premium, onde o processo de cada cerveja é totalmente diferente da outra e requer muito esforço.


Vocês poderiam simplesmente seguir o "status quo" do mercado e criar mais uma cervejaria, por que vocês resolveram trabalhar "acelerando" cervejarias ciganas?

Sabemos que “mais uma cervejaria” não teria destaque, queríamos trazer algo a mais. E como viemos de um mercado de inovação, trouxemos esta experiência para o mercado cervejeiro. Não largamos nossas carreiras à toa, viemos para transformar o mercado.


A Startup fez um grande investimento em sua estrutura, o que vocês trazem de vantagem competitiva para as cervejarias?

Nosso objetivo é disponibilizar alta tecnologia e estrutura, que antes só existiam em grandes cervejarias, agora são acessíveis às micros. Investimos desde equipamentos até processos, e um grande diferencial foi o desenvolvimento de aplicativos unindo o off-line ao online, para cervejeiros e também aos consumidores finais.


Já que estamos falando do mercado de cervejas artesanais, como vocês enxergam o papel da internet no mercado de hoje?

Acreditamos que a internet neste mercado ainda é subutilizada. Ela tem um papel fundamental para chegar onde queremos. Esse mercado ainda é muito off-line e precisamos mudar isso se quisermos crescer.



"Temos como princípio levar ao consumidor final apenas nossas receitas favoritas"


No início foi difícil a aceitação do projeto da Startup pelas outras cervejarias, como foi esse período?

Não. O desenvolvimento do projeto foi acompanhado com grande entusiasmo, principalmente por aqueles que vieram a se tornar nossos parceiros.


Hoje a Startup conta com quantas marcas, entre próprias e não próprias em seu portfólio?

Hoje contamos com quatro marcas. Como próprias, a Cerveja Unicorn e a UX BREW, e como aceleradas a Cerveja Avós e a Juan Caloto.



Vocês possuem duas marcas próprias, a UX Brew e a Unicorn por que não manter uma marca só com uma linha mais robusta?

Acreditamos que uma única marca com um portfólio gigante poderia confundir os clientes e não conseguiríamos ter o alcance de conversa com um público mais diverso. Queremos levar cerveja boa para o maior número de pessoas possível. Assim, cada marca tem seu conceito, uma identidade própria de linguagem, aromas, sabores e obviamente um objetivo.


Entre as marcas próprias, existe um rótulo favorito?

É difícil escolher um favorito quando gostamos de todos (risos). Temos como princípio levar ao consumidor final apenas nossas receitas favoritas.


Existe alguma novidade vindo por aí, quais os planos para o futuro?

A fábrica nunca parou de ampliar sua capacidade, porém aceleramos este processo, e até o final deste ano dobraremos nossa capacidade produtiva. Temos equipamentos chegando que irão flexibilizar nossa capacidade de atender aos clientes e produtividade. E em breve teremos a inauguração da nossa cave, e com ela virão muitas novidades, onde os softwares e a internet serão peça fundamental desta experiência.


E por que fazer cerveja?

Porque somos apaixonados por cerveja. E após aprender a fazer cerveja nos apaixonamos não apenas por ela, mas por seus processos e todo o universo de possibilidades que podemos construir a partir dela.



Curtimos demais a entrevista com o André Franken e o André Kunrath, os sócios da Startup Brewing CO., gostaríamos de agradecer a disponibilidade e o cuidado com que nos receberam e participaram da entrevista, e agradecer também a Liz por fazer o "meio de campo" pra que essa entrevista ocorre-se. Pessoal MUITO OBRIGADO.





Não esqueça de deixar seu comentário sobre o que você achou da entrevista com o André Franken e o André Kunrath da Startup Brewing CO. Aproveite e veja os outros posts do nosso blog, tem mais entrevista, lançamentos, curiosidades e muito mais sobre o mundo cervejeiro. Não deixe de salvar em seus favoritos (CTRL + D) e de compartilhar com seus amigos nas redes sociais.


421 visualizações6 comentários
Logo-Novo-BV.png

PARCEIROS

delibeery-cervejas.png
Logo-HopMundi-completo.png
drink-karma.png
american-beer.png
tesla-cervejaria.png
wiva-cerveja-artesanal.png
logo_campinas_cervejaria_2019.png
zev.png
bierinbox.jpeg
Untitled-1.png
2.png
WhatsApp-Image-2020-08-17-at-11.59.png
LOGO.png

Mogi Guaçu - SP

CONTATO

ENDEREÇO

  • Instagram - White Circle
  • Facebook - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco

SIGA A GENTE